top of page

PRINCÍPIOS DO DESIGN E DECORAÇÃO SENTIMENTOS

PRINCÍPIOS DSENTIMENTOSO DESIGN E DECORAÇÃO Não é convencional iniciar um blog sobre design e decoração falando de sentimentos, mas a realidade é que decoração é um gerador de SENTIMENTOS!

Ao pensar em um ambiente começamos observando o que está ao nosso redor e os sentimentos que ele nos provoca, às vezes sendo acolhedor e outras nos empurrando para fora dele. Independente se esse ambiente é a sua casa ou um escritório que você visita, um consultório, um restaurante, o fato é que todos geram um sentimento em todos nós.

Esses sentimentos são estimulados pelos nossos sentidos: visão, audição, olfato, tato e paladar.

Todos nós já experimentos isso: uma sala linda mas ruidosa ou com um odor desagradável e instantaneamente não “gostamos” dela. Da mesma forma, um sofá com um tecido áspero ao toque ou uma parede com a cor que detestamos também provocam, à princípio, rejeição. Nossas lembranças se tornam mais aguçadas e nos fazem sentir mais felizes em um ambiente que nos acolha.

Pronto: seus SENTIMENTOS foram despertados nesse ambiente! Em decoração todos estes fatores têm seu peso, mas a visão é, de longe, o sentido mais estimulado. Por isso formas, cores e composição espacial são tão importantes.

A composição espacial escolhe, organiza e distribui todos os elementos do ambiente de uma forma gostosa e agradável para o usuário do espaço. Para isso ela se utiliza de princípios, sobre os quais vou falar nesta série, começando com EQUILÍBRIO e SIMETRIA.

Normalmente num ambiente onde o equilíbrio e a simetria predominam, é mais fácil achar beleza e sentir-se confortável! Simetria é fazer com que cada metade de um ambiente pareça espelhar a outra. As diferenças ficam por conta dos detalhes, como por exemplo objetos de decoração, iluminação, etc. Esse é um princípio visto e usado em ambientes mais formais, que normalmente são: livings, escritórios, e até em dormitórios de casal , veja esses exemplos:

Criar o equilíbrio e a simetria num ambiente de maneira que você desperte o sentimento acolhedor, deve ser dosado para evitar a simples repetição, com o cuidado na escolha dos objetos de maneira que não fiquem duplicados constantemente e que ainda você consiga por MOVIMENTO dentro de tantas coisas alinhadas!

Tenha em mente que o “peso” visual das coisas dos dois lados é o mesmo, de maneira que você não deixe esse ambiente, com a sensação de ser desagradável de estar. Por exemplo, muitas vezes volume visual de uma cortina escura de um lado, pode ser compensado pela mesa e alguns objetos de decoração escuros do outro lado. Um lado é diferente do outro mas visualmente eles são equilibrados – um lhe chama a mesma atenção que o outro, e cria um MOVIMENTO!!!!

No nosso próximo encontro vamos falar sobre como conseguir esse movimento. Afinal, sentimentos não são alinhados constantemente, tudo se MOVIMENTA. Nos vemos na semana que vem!

E se você tem dúvidas, sugestões de temas, não deixe de mandar um e-mail, assim podemos dar dicas para te ajudar de maneira mais efetiva!

Beijocas,

Alê

alessandrallinhares@msn.com

escritórios, e até em dormitórios de casal , veja esses exemplos:

200 visualizações0 comentário
bottom of page